Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




O Exército da Salvação

por Inútil, em 02.09.08

Numa destas tardes enquanto fazia uma pesquisa na net, fui dar, sem saber como nem porquê, à página do Exército da Salvação. Sempre sedento de saber e com tempo livre a mais como é costume, resolvi dar uma vista de olhos à página da dita organização. Valeu a pena.

Digo-vos amigos, aquilo deve ser deboche de três em pipa!

Só a avaliar pelo cartaz da celebração do Pentecostes, depreendo que esta malta deve orar com fervor. Ardentemente. Com uma fé escaldante.

Belo cartaz, não é? Rói-te de inveja, Sá Leão.

Interessante é também esta bela e saudosista passagem da mensagem de Natal do General (o orador chefe):

 

Sentíamo-nos enobrecidos por estarmos desconfortáveis e em dor de forma a podermos dar o nosso testemunho musical. Éramos tocadores intrépidos, prontos a enfrentar os elementos. Macios? Nunca! Tocadores de bom tempo? Nem pensar! Válvulas geladas e dedos enregelados eram suportados quase como se fosse um rito de passagem. Podíamos contar as nossas histórias e sermos admirados (ou pelo menos assim pensávamos), pela nossa rigidez.

 

Fora de contexto, acabam por ser palavras estranhamente eróticas. Adiante.

Como organização pomposa que é, o Exército da Salvação tem igualmente uma agenda anual, onde pontificam inimagináveis eventos como o dia do Andarilho Salvacionista ou o Bazar dos Ministérios Femininos. Sim, o Bazar dos Ministérios Femininos.

Nunca tendo ido a nenhum, só posso especular sobre o que seja, mas algo me diz que tem alguma coisa a ver com aquelas reuniões da Tupperware mas com vendedoras carregadas até às orelhas com malinhas recheadas de produtos de auto-satisfação sexual orientados para um público alvo-feminino. Malucas...

Apesar de promover acções lúdicas desse género, o Exército da Salvação não se pode gabar de ser ainda uma organização com uma mentalidade aberta.

Isto torna-se um bocado óbvio ao ler qual a sua visão sobre a homossexualidade. Ora, de acordo com estes companheiros, "O Exército vê as origens de uma orientação homossexual como um mistério".  Ò amigos, se não sabem, descubram! Vejam filmes, vão a São Francisco, sei lá. Viver na ignorância é que não! Ainda dentro do mesmo tópico, "amizades entre as pessoas do mesmo sexo podem ser relacionamentos que enriquecem ambos, que honram a Cristo, trazendo alegria em compartilhar mutuamente. Porém, segundo o ensino das Escrituras, relacionamentos expressados de forma genital entre pessoas do mesmo sexo não são aceitáveis". Ou seja, amigos amigos, tapinhas na bunda à parte. É justo.

Parece que para além disto tudo, os soldados deste exército são malta porreira para se levar quando se vai beber um copo à rua. Porquê? Porque cada cavalheiro destes é um condutor 100% cool por excelência! Dizem eles acerca do acto de beber uma cervejinha: "Não se deve beber socialmente, nem mesmo para agradar aos anfitriões ou aos companheiros de trabalho". Chatinhos mas responsáveis.

Pensava que vender bíblias de porta a porta era uma forma chata de expressar o amor pelo Messias. Afinal parece que há pior.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 17:20


24 comentários

De João a 23.11.2008 às 03:12

Bem no que toca à abstinência de bebidas alcoólicas deixem-me contar-vos um pouco de história..
O Exército de Salvação (Salvation Army ) quando foi criado por William Booth em 1865 na Inglaterra, tinha como principio base ajudar os sem-abrigo também e ajudar pessoas com vícios nomeadamente o álcool logo foi ''definida'' essa regra como forma de ''dar o exemplo'' ou então seria mais uma ''organização'' hipócrita e aí sim sem utilidade nenhuma...

De Inútil a 24.11.2008 às 21:47

É isso aí. Vendedores de biblías são sempre bem vindos.

De João a 24.11.2008 às 23:07

Lá por tu seres ateu ou algo do género pelo menos respeita quem tem opiniões e crenças diferentes das tuas..Queres ser palhacinho e andar a fazer humor criticando cenas tudo bem mas tenta manter a uma postura e acima de tudo algum respeito, o bom humor também se caracteriza por isso.

De inutil a 24.11.2008 às 23:51

Não deixa de ser irónico que malta que pertence a seitas destas cujo patriarca, chefe, grande cabeça pensadora ou lá que raio de coisa vocês lhe chamam publica uma mensagem de Natal daquelas de livre vontade me acuse de falta de sentido de humor.
Lamentavelmente, continuo a ser rei e senhor deste domínio pelo que me assiste o direito, também a mim, de dizer o que bem me vem à cabeça. Só lê quem quer.
Bom Natal, Hareh krishna, feliz Kwanza e essas merdas todas. Ho-Ho-Ho.

De Pois, então. a 24.05.2009 às 02:28

Neste momento, só tenho pena que o ES não seja de levar as pessoas a Tribunal, porque, caso contrário, iria ver-te à barra do Tribunal provar essa de que o ES é uma seita. lol
Conheces a palavra (seita), mas agora tens de ir ver quais são o parâmetros que permitem dizer que A ou B são seitas, porque eles existem e são a nível mundial.

Claro que tens todo o direito de dizer o que quiseres neste pedacinho, embora não seja propriamente teu, mas... não sei... não te perturba, não te incomoda, mostrares ao mundo o quão ignorante és, sobretudo, acerca da 2ª maior Instituição Social do Reino Unido (a 1ª é o próprio Estado)?

Fazes algumas criticas e eu até concordo a 100% contigo (aquele cartaz é horripilante e o assunto da homossexualidade idem), mas falhas quando mostras que desconheces de facto a organização. Foi pena. Se a conhecesses, poderias ter escrito as coisas com muito mais piada!

Não beber é um bom príncipio para todos, pelo menos é o que os médicos em todo o mundo dizem... Não consigo ver aqui critica fundamentada, nem humor...

Comentar post



Sobre o Inútil

foto do autor


Onde é que anda aquilo?

  Pesquisar no Blog





Comentários recentes

  • Anónimo

    Pelo seu artigo logo se vê que o amigo não conhece...

  • Goretti Nunes

    Olá,Estou neste momento a elaborar a minha dissert...

  • Anónimo

    Pessoal a culpa nao e dele....a culpa e da mae que...

  • Anónimo

    Vai la e experimenta

  • ana maria

    Experimentei o frizante Castiço na cidade de Coimb...