Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Uma questão de imaturidade VII

por Inútil, em 30.04.08

Ela - Então, gostaste do filme?

Ele - Sim, foi jeitoso.

Ela - Adorei aquele final. Muito comovente.

Ele - É capaz disso...

Ela - Não digas isso assim que eu bem te vi a esfregar a lágrima pelo canto do olho.

Ele - Quê, aquilo? Não, aquilo foi uma pestana que me entrou para a vista e eu tentei tirá-la.

Ela - Tanga...

Ele - Como assim, tanga? Foi isso mesmo que aconteceu.

Ela - Sabes que não deixas de ser homem só por admitires que choras nos filmes?

Ele - Se não chorei quando o Benfica levou 7-0 do Celta de Vigo, também não me ia armar em Madalena arrependida só por causa do outro badameco morrer no fim da história.

Ela - Vocês são incríveis .. Mas qual será o problema de expressar emoções? É normalíssimo!

Ele - Tal como é normalíssima essa vossa pancada em tentar mudar a personalidade de um gajo.

Ela - Para o vosso próprio bem!

Ele - É mas é para o vosso! Não há uma pinga de altruísmo nesse comportamento. Será assim tão complicado entender que há certas coisas que simplesmente são como são e não podem ser mudadas? Tu podes tirar o macaco da selva mas nunca tiras a selva do macaco!

Ela - Não estou a tentar mudar nada, só queria que admitisses que choraste no fim do filme.

Ele - Não, deste não chorei. Mas não evitei a lágrima no final do E.T .

Ela - Vês, foi assim tão complicado?

Ele - Não, nem por isso.

Ela - ...

Ele - É claro que na altura só tinha nove anos...

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 20:55


Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.



Sobre o Inútil

foto do autor


Onde é que anda aquilo?

  Pesquisar no Blog





Comentários recentes

  • Anónimo

    Pelo seu artigo logo se vê que o amigo não conhece...

  • Goretti Nunes

    Olá,Estou neste momento a elaborar a minha dissert...

  • Anónimo

    Pessoal a culpa nao e dele....a culpa e da mae que...

  • Anónimo

    Vai la e experimenta

  • ana maria

    Experimentei o frizante Castiço na cidade de Coimb...